Livre das dividas! Se imagina saindo da dívida, imaginou? Já pensou não ter mais longas noites sem sono – sem dormir – pensando nas suas contas atrasadas, faturas de cartão de crédito e cobradores matinais ligando sem parar, pois é!

Todos nós sabemos que a cadeia de dívida alimenta ansiedades, angustia e sofrimento, o pior é que quanto às dividas, não existe nenhuma chance de não haver ameaças das agências de cobrança, seja por carta, telefone ou pessoalmente com os oficiais de justiça.

Você pode sair da dívida e se livrar delas! Listamos tudo que você pode fazer, leia em um minuto. Apenas 60 segundos descubra como pode resolver suas questões de endividamento.

0:60 Gaste menos para ter menos dividas

Faça isso, torne um hábito tão fundamental como ter que parar quando as luzes vermelhas do farol de trânsito ascende. Perceba de uma vez por todas que, se você não pode pagar de gastar, você não pode parar de pagar.

0:50 Saiba distinguir entre dívida boa e dívida ruim

No Brasil, dívida boa são as com taxa de juro bem abaixo de 10%. No melhor dos casos, você comprou com recursos emprestados bens com valor agregado como em casos de empréstimos com garantia, empréstimos estudantis e outros que trazem algum valor à dívida.

Já os empréstimos para automóveis estão na fronteira entre o bem e o mal. Eles muitas vezes satisfazem o dono com taxas baixas, porém, os automóveis quase nunca possuem valor de investimento. Cartões de crédito, empréstimo com restrição e empréstimo com agiota são sem duvidas, dívida ruins

0:40 Escolha um cartão vencedor

Tem muitos cartões? Então escolha um ou dois, faça-os como principais cartões de crédito baseado na menor taxa de juros anual e anuidade. Use esses cartões apenas para emergências. Fique longe dos seus amigos de plástico, então, remova-os de sua carteira. Jogue-os dentro de uma gaveta qualquer se quiser sair da dívida, e só use quando for realmente preciso.

0:30 Se livrar de todas as contas de dívidas ruins

Peque todas, encontre um valor para pagamento mensal mínimo, em seguida, some para saber quanto você pode pagar por mês. Se prometa em pagar este mínimo durante os próximos meses seguintes.

Se você não puder fazer isso, você terá que fazer alguma coisa para aumentar sua renda ou diminuir suas despesas. É duro, nós sabemos, mas é inevitável.

0:20 Separe as conta de juros mais alta e: Negocie!

Em seguida, separe as dividas mais recentes de acordo com a taxa de juros mensal ou anual, pegue uma conta de qualquer com juros acima de 15% e mãos na massa. Disque o número gratuito do credor e peça para reduzir a taxa de juros – digamos que, para 11%.

Diga-lhes que você realmente gostaria de ficar com eles pela fidelidade de cliente (embeleze a conversa de acordo com suas habilidades de atuação), mas que você recebeu ofertas muito abaixas das taxas que paga hoje. Para qualquer empresa você é um cliente e um centro de lucro.

0:10 Seja prudente ao pagar dívidas

Para sair da dívida, seja responsável em pagá-las, mas não fique ambicioso por isso a ponto de arriscar ficar sem fazer os pagamentos mínimos de seu empréstimo habitação, automóvel ou qualquer outra conta de crédito garantido. Se não pagar, significa que você vai perder para o banco o seu bem.

0:00 Compare preços e taxas

Se você possui cartão de crédito ao consumidor com juros altos, procure no mercado por cartões equivalentes e que ofereçam mais vantagens e custo menor com juros e tarifas. Quanto aos serviços da casa, faça o mesmo para sair da dívida.

No Brasil, a maioria dos cidadãos trabalhadores com carteira assinada ou autônomos tem um ou mais tipos de empréstimos. Isso é considerado como em alguns países como problema, em outros um dos melhores maneira de ter dinheiro e fazer mais dinheiro e outros uma forma para viver uma vida melhor.

Os bancos do governo e bancos privados, além de empresas e instituições de crédito oferecem empréstimo pessoal para todos os tipos de pessoas e empresas com taxas de juros acessíveis.

Bancos como a Caixa, Banco do Brasil, Itaú, Bradesco, Santander e diversos bancos de segunda linhas são a grande fonte de dinheiro que oferecem tipo de empréstimos variados. Pode se dizer que no Brasil há empréstimo para todos os tipos de exigência e perfil de pessoas.

Isto levanta uma questão financeira sobre como anda o bolso das pessoas – estão com dívida ou livre de dívidas? Naturalmente, uma vida livre das dívidas soa muito bem, ter economias extras guardada em um cenário de crise como estamos realmente é melhor ainda.

Hoje a menos que você esteja com uma situação financeira bem definida, não é possível levar uma vida livre da dívida e despreocupada com finanças.

Vemos que ter uma certa quantidade de dívida é muito comum e pode até ser considerado como uma coisa boa, dependendo da circunstância, claro! Ter crédito em geral cria espaço para uma economia futura mais segura.

Naturalmente, uma vida sem dívida é uma vida livre do estresse e cansaço mental, mas se você estiver em uma fase de construção de patrimônio ou algo para a família, ter uma quantidade de dívida que seja suportável, é boa.

É óbvio que todos as pessoas inteligentes desejam uma vida livre de dívidas, rssss. Ninguém fica feliz em fazer dezenas de horas extras para ganhar alguns reais extra, comprometendo o tempo e lazer da família para ter que pagar dívida.

Incrível, mas nem todos estão aptos em se esforçar para fazer face às despesas e se livrar de passivos financeiros. Por isso, não pense que empréstimo pessoal ou imobiliário ou qualquer outro são como xícaras de chá que podemos tomar todas as tardes.

Pondere os custos de tempo e estresse mental, tudo precisa ser levados em consideração antes de se comprometer com empréstimos de longo prazo ou de valor elevado.

Por outro lado, é bom pensar positivo e considerar que não haverá problema sem que haja uma solução. Se as dividas apertarem, só é preciso ajustar pequenas mudanças no estilo de vida, cortar despesas desnecessárias e assim por diante.

Alguns dos benefícios de ter a vida livre da dívida são:

Maior controle sobre seu dinheiro

Quando uma pessoa não esta sendo controlada por obrigações financeiras e pressão constante por causa de dinheiro, ela tem maior controle sobre todas as áreas da sua vida. Haverá maiores chances de direcionar fundos de dinheiro para gerar mais receita com investimentos.

Será mais fácil manter do lado positivo todas às despesas, e ainda guardar algum dinheiro. Além disto, em caso de situações de emergência, ter dinheiro extra será a última coisa que você terá que se preocupar.

Melhora a qualidade de vida

Embora os bons e grandes momentos de stress da vida se dá por causa do cônjuge. Se por acaso haver a possibilidade de levar uma vida sem ansiedades e pressão financeira, não hesite. A vida é muito curta para ficar pensando somente em dinheiro.

Separa um tempo para viajar, conhecer o mundo, pessoas ao redor, se divertir etc. Faça o seguinte, enquanto uma parte da sua vida ganha dinheiro, deixe a outra parte livre de viver a vida livre de dívidas e stress.

Boa saúde financeira

Quando você tem uma vida livre de dívidas, pode-se dizer que você alcançou uma posição financeira sólida e equilibrada. Se todas as suas dívidas estão sendo pagas em dia, relaxe, seja feliz e descance sua cabeça.

Não se comprometa em novos empreendimentos que tragam dívidas. Mas também não vai ficar obcecado em ganhar dinheiro e esquecer de viver. Ter nenhuma dívida também irá aumentar a sua chance de aumentar sua pontuação de crédito.

Oferece segurança e tranquilidade

Às vezes temos que fazer grandes investimentos e adquirir ativos como uma casa, e se você tiver sua moradia dada como garantia de suas dívidas pode se preocupante, de qualquer forma, tente não ficar pensando em dívidas o temo todo, isso irá ajudá-lo trabalhar de forma mais descontraída.

Tente guardar algum dinheiro, não conte somente com o seguro desemprego em caso de ficar sem trabalho. Isso tornará qualquer pessoa menos desesperado por oportunidades e dará mais tempo para pesquisar e verificar as melhores opções disponível e alternativas.

Mais divertimento na vida

Aproveitar a vida sem dívidas é diferente, tente um dia viver assim. A liberdade é maior quando não há um ambiente desafiador e preocupante.

É sempre bom ter uma vida livre de dívidas, você se sente compelido em criar um estilo de vida muito mais produtivo!

Transferir empréstimo pessoal … Dizem não sei se é verdade que o dinheiro é mais doce que o mel? Será! Podemos fazer qualquer coisa que quisermos, isso é fato, por isso mesmo que não podemos perder a chance de diminuir custos de juros, dívidas ou despesas extras se tivermos essa chance.

Sempre acho que somos seres humanos dotados de racionalidade, sempre podemos optar por ter benefícios que custem mais barato. Ficar parado não dá, um mutuário racional deve estar em continua busca por formas de reduzir seus custos com empréstimo pessoal, financiamentos ou débitos que crescem incessantemente.

Uma das muitas maneiras de reduzir o custo dos juros de empréstimos é transferir seu saldo. Isso é fácil e certamente benéfico para o seu histórico de crédito, bem como sua pontuação de crédito e para o bolso principalmente.

Transferência de saldo do empréstimo pessoal

Transferência de empréstimo pessoal ou empréstimo consignado é um conceito fácil mas ainda demorado aqui no Brasil. Basicamente, neste caso, você obtém um empréstimo pessoal de um banco com uma taxa de juros cara e troca por outra operação com juros mais barato.

Transferir o saldo do empréstimo não traz qualquer complicação relacionado com o reembolso ou qualquer outra coisa na transação. As parcelas continuarão ser cobradas. A diferente é a quantidade de dinheiro a ser pago, ou saldo devedor, poderá diminuir.

Agora que você sabe como aproveitar um empréstimo pessoal que oferece taxas de juros mais baixas e que suas prestações podem ser alteradas no futuro, fica até mais fácil se programar.

Mas, fica esperto, depende de algumas regras que o sistema dos bancos criaram para realizar a conclusão da operação e transferir o empréstimo para outra instituição.

Como é a transferência de empréstimo pessoal?

A transferência de saldo de empréstimos é benéfica! Este é um ponto muito importante. Fazer um empréstimo disponível não é como comprar um lanche no Mac Donalds a qualquer momento quando você estiver morrendo de fome.

E também não como as compras de alimentos básicos que você vai ao supermercado quando precisa. Agora, se você está precisando de dinheiro, aproveitar o seu crédito para pegar um empréstimo pessoal definitivamente pode traz-lhe algum tipo de benefício.

A primeira coisa que você deve saber é que na transferência do empréstimo, haverá uma redução da taxa de juros de acordo com o período de devolução do saldo devedor.

Vale lembrar que para algumas operações pode ser ruim e trazer mais prejuízo que lucro. Quando mais você já tenha pago do empréstimo atual, melhor, e aumenta as chances de expandir o período de pagamento por um prazo mais longo, isso resulta em troco no bolso em muitos dos casos.

Reduzindo as taxas de juros de empréstimo – como?

Como foi dito ao longo deste artigo, você pode muito bem transferir seu empréstimo pessoal ou empréstimo consignado para algum outro banco para aproveitar a chance de diminuir a taxa de juros.

No entanto, é uma operação chata que não é tão fácil de concluir como todos pensam. Basicamente, há uma espera de até 60 dias que não importa o que o mutuário esteja disposto, não muda.

Essa sem dúvida é mais uma chance do mutuário que quer diminuir o saldo devedor ou a taxa de juros, o ideal é verificar no seu banco ou credor se ele oferece esse tipo de operação financeira.

Muitos de nós pensaria em tomar empréstimo disponível online ou crédito pessoal como a maneira mais fácil e mais rápida de obter dinheiro para resolver uma crise financeira. Mas há algumas outras alternativas além do empréstimo pessoal.

Quais são as alternativas a um empréstimo pessoal

Como as taxas de juros do empréstimo pessoal são variáveis, é absolutamente essencial estar ciente de todas as algumas alternativas disponíveis no mercado.

Listamos 5 tipos que poderão ajudá-lo quando você estiver como uma necessidade real de obter dinheiro ou quando não há tempo suficiente para esperar até que o empréstimo seja aprovado e o dinheiro caia na sua conta bancária.

Empréstimo com ações

Se você tem parte de algumas empresas com muita reputação, então com base nisto, alguns bancos estarão dispostos e prontos para fazer empréstimos em dinheiro a qualquer momento.

A única desvantagem desta transação é que nem todas as ações da empresa são aceitas para este tipo de empréstimo, apenas são consideradas empresas de grande reputação e altamente dignas de crédito e limites pré-aprovados.

O empréstimo com ações depende do valor das ações e número de ações que o candidato possui em sua poder. Se o mercado é muito volátil por exemplo, os bancos hesitarão em oferecer este tipo de empréstimo em troca das ações.

Empréstimo com depósitos fixos

Isso é considerado como a maneira mais rápida de obter empréstimo pessoal ou empréstimo para empresa. Se você tem um depósito fixo em qualquer banco, fazer uso desta operação para conseguir dinheiro emprestado pode ser um ótima oportunidade.

Extremamente simples a transação, o banco ficará confortável em realizar o empréstimo pessoal recebendo o depósito fixo existente, o mais interessante é que a taxa de juros aplicadas sobre esse tipo de empréstimo são muito baixos e acessíveis.

É um empréstimo fácil e rápido, não precisa de muito documentação, é liberado mais ou menos 80% do valor do depósito fixo.

Empréstimo com apólices de seguro de vida

Empréstimos com seguros de vida têm taxas de juros baixas também. Existem muitas alternativas disponíveis para o credor reembolsar o empréstimo solicitado. O valor da apólice é usado para determinar o montante do empréstimo liberado. Este empréstimo pode ser pago de volta em parcelas pelo tempo da duração da apólice.

Empréstimo com ouro ou jóias

Mais conhecido como penhora, é possível use suas jóias ou ouro para obter um empréstimo pessoal de dinheiro! Embora esta seja uma das formas mais comuns de arranjar dinheiro devido à crise financeira instalada no país, quem faz uso deste tipo de empréstimo são pessoas de classe média e média alta quando estão em apuros.

O empréstimo com ouro ou jóias ajuda em obter a liquidez necessária e rápida de recurso. Este é também uma alternativa de vender o ativo (ouro) mas, vale muito mais a pena pegar o ouro de volta reembolsando o credor que normalmente são bancos federais.

Para este tipo de empréstimo pessoal, não há taxas de processamento ou encargos de pré-pagamento. Os mutuários têm apenas pagar os juros e taxas convencionais para o total monetário emprestado.

Isso funciona de forma semelhante a um empréstimo garantido, onde a segurança neste caso é o ouro ou as jóias penhoradas.

Empréstimo com o Fundo Público de Previdência

Se você está procurando empréstimos até 24 parcelas, então esta opção está disponível para muitos cidadãos trabalhadores. O empréstimo pode ser tomado pelo mutuário, mesmo sem quebrar o Fundo de Previdência Pública.

As regras são simples de entender, uma vez que o primeiro empréstimo é completamente reembolsado, o mutuário tem autorização para tomar outro empréstimo e assim por diante. No entanto, é muito importante fornecer detalhes minuciosos porque o empréstimo está sendo tomado.

Os empréstimos serão concedidos apenas para situações de emergência como casamento, doenças graves, construções de casas etc. Fale com o banco federal mais próximo de sua casa  para saber se você tem direito a operação.

A função de folha de pagamento em qualquer organização ou empresa pode ser tratada em essencialmente uma de três maneiras.

Internamente: usando processos manuais; Internamente: usando sistemas offline ou software de folha de pagamento on-line ou; Terceirizando: nessa função uma empresa paga para oura gerencia sua folha de pagamento, neste caso é conhecido como terceirização de folha de pagamento, isso feito em geral por órgão públicos estaduais e federais.

O volume de informações e dados como proventos, dividendos e até os descontos de empréstimo consignado é feito na direto no soldo ou salários de funcionários públicos, por isso, até o processamento de empréstimos são feitos por empresas de tecnologia especializados.

A folha de pagamento é terceirizada por uma série de razões, os principais benefícios que a terceirização da folha de pagamento traz para o empregador são:

Economia de tempo: A folha de pagamento é uma função crítica para qualquer negócio e, quando feito manualmente, exige muito tempo e atenção aos detalhes do departamento de recursos humanos.

Além disso, folha de pagamento tem de ser lançado ciclo de pagamento após o ciclo de pagamento e, portanto, coloca uma demanda constante de tempo e esforço de muitas pessoas. Com a terceirização desta função, automaticamente liberta horas-homem para tarefas mais estratégicas e críticas para mover o negócio.

Economia de custos: Estudos indicam que mais de 40% das pequenas empresas no Brasil pagam, em média, cerca de R$ 2500 por ano, por causa de multas ou penalidades por atrasos ou dados incorretos de pagamentos.

Com a terceirização da folha, os profissionais atentos ao detalhes e também conhecendo a rotina do trabalho podem acabar com esses custos extras, além de reduzir a necessidade de um departamento interno exclusivo para fazer a folha de pagamento.

Segurança dos dados: “Quão seguros são os dados?” É uma questão que cada empregador se pergunta ao manipular a função de folha de pagamento internamente. A perda de dados incluem além do roubo de identidade, adulteração de negócios críticos, falsos registros de ganho pessoal, etc.

O contraste do software de folha de pagamento on-line é um estado da arte que empresa deveria investir para processar o pagamento dos seus funcionários. Ao usar criptografia, garante a segurança de classe mundial para dados confidenciais em especial os da folha de pagamento.

Cumprimento das leis: As bases legais dos países estão em constante evolução e acompanhar o ritmo desta mudança muitas vezes apresenta um gargalo para a maioria das pequenas e médias empresas.

O negócio de uma empresa de terceirização de folha de pagamento também cobre o acompanhamento dessas mudanças de regras e regulamentos trabalhistas e estatutário, tais como imposto, deduções, e assim por diante.

Especialização na área: Muitas vezes os proprietários de pequenas empresas estão no conhecimento do domínio da folha de pagamento. Esta falta de experiência pode facilmente levar a erros flagrantes se folha de pagamento está sendo processado em aplicativos simples como o Excel.

A especialização necessária é trazida por empresas de folha de pagamento, que se especializam nas complexidades do processamento do salários e proventos.

Melhor relatório: Muitas vezes, a lista de relatórios relacionados à folha precisa ser gerado pelo empregador é extensa, para não mencionar que estes precisam ser disponibilizados em um formato especifico.

Os departamentos de recursos humanos responsáveis pelo pagamento podem não ter a capacidade de gerar esses relatórios com tantos requisitos.

Por outro lado, as empresas de processamento ou contadores especializados oferecem uma ampla gama de relatórios que atendem aos pré-requisitos de relatórios mais comuns.

Tudo somado, percebeu que terceirizar seu processo de folha de pagamento pode levar a economia de custos e tempo considerável, além de segurança de dados aprimorada, melhor conformidade de dados, e acesso a especialistas em relatórios.

Estes por menores fazem manter as razões imperiosas que explorar a opção de terceirizar a folha de pagamento é a melhor opção em muitos dos casos de empresas e organizações.